Crianças no inverno: conheça 9 itens fundamentais para essa época

criança agasalhada

Durante as baixas temperaturas, o clima fica seco e consequentemente, as doenças respiratórias mais frequentes. Os bebês, sofrem bastante com as mudanças climáticas e com o nariz constantemente congestionado. Isso porque, enquanto na barriga da mãe, o líquido amniótico, colabora para manter a temperatura ideal dentro do útero. Ao nascer, o bebê sente a mudança térmica repentina. Portanto, é essencial tomar cuidado com detalhes como: roupas, banho e saídas nesse período; para garantir que seu filho fique bem quentinho nos dias frios.

Instintivamente, os pais têm o hábito de encapotar os pequenos com diversas peças de roupas, na tentativa de protegê-los contra a friagem e quaisquer tipos de doenças. No entanto, essa medida não é a mais recomendada.

O erro acontece, por conta de uma crença popular que afirma, que os pequenos sentem mais frio em relação aos adultos. Na verdade, a partir dos seis meses de idade, eles têm a mesma sensação térmica que nós, portanto devem usar a mesma quantidade de roupas que um adulto usaria. Agora, os recém-nascidos de até seis meses de idade, possuem a pele mais fina e são, de fato, mais sensíveis a baixas temperaturas. Embora tenham que ser mais agasalhados, é preciso ter atenção para não exagerar.

Ficar de olho na temperatura da criança (que deve estar entre 36,5 e 37,2 graus), é uma ótima dica para verificar se não há peças de roupas em excesso. Se seu filho começar a demonstrar irritação sem razão, provavelmente pode estar com calor. Colocar peças demais pode incomodar a criança, fazendo com que ela transpire bastante e até desenvolva brotoejas por conta do incômodo na pele.

Como vestir os bebês?

A orientação dos pediatras, é que o recém-nascido esteja sempre vestido com uma peça de roupa a mais em relação aos pais. Logo, se você estiver usando uma camiseta de manga comprida, seu filho deve estar com a mesma peça e mais um casaco não muito pesado, por exemplo.

Se o frio for intenso, a melhor opção é vesti-lo em camadas: coloque um body por baixo, uma calça e um macacão por cima. Opte por roupinhas de algodão, pois a lã pode causar alergia e ressecar a pele e o náilon, não é adequado para baixas temperaturas.

Ao sair, luvas, meias e gorros. Isso porque, os bebês perdem muito calor nas extremidades, mãos, pés e couro cabeludo.

A praticidade de vestir a criança em camadas, é que você tem a possibilidade de remover as peças aos poucos, à medida que o tempo muda ou que ela sinta calor.

Para saber se o neném está passando calor, observe a temperatura do tronco e verifique se há transpiração, principalmente na região da nuca. Se ele estiver com frio, provavelmente seu narizinho estará gelado, e ele poderá apresentar tremores e palidez. Não use a temperatura dos pés e mãos como parâmetro, justamente por serem áreas geralmente mais geladas.

Tecidos mais indicados

O material de inverno mais recomendado para crianças é o moletom, que aquece e dificilmente acumula poeira ou ácaros. Os tecidos naturais e o algodão também podem ser usados sem problemas, já que são mais frescos e melhoram a transpiração.

Tenha cuidado com tecidos felpudos, como lã, soft e plush. Além de pinicarem, eles acumulam resíduos muito facilmente, o que pode resultar em alergias, além disso, soltam fiapos e irritam as vias aéreas da criança. Se desejar utilizá-los, dê preferência à lã antialérgica e lave as peças semanalmente.

Roupas coloridas também podem ser um problema, já que certas tintas, em contato com a pele, causam alergia. Atenção também a detalhes miúdos, como botões e presilhas, que, além de incomodar, podem ser engolidos pelo neném.

Sempre que comprar uma peça nova, nunca esqueça de higienizá-la antes do uso. Nunca use amaciante na roupa dos pequenos, pois ele deixa resíduos e pode desencadear processos alérgicos. Prefira sabões neutros ou de coco (hoje em dia, é possível encontrá-lo em pó). O vinagre é um substituto natural e menos nocivo ao amaciante.

Itens indispensáveis

Confira algumas dicas de roupinhas e acessórios que não podem faltar para seu bebê no frio:

Conjunto de moletom - Pulla Bulla

Conjunto plush - Kiko e Kika

Cobertor Minnie - Jollitex Ternille

Cobertor Mickey - Jollitex Ternille

Aspirador nasal - Safety 1st

Inalador ultrassônico - NS

Termômetro sem toque - Multilaser

Casaco champions - Milly Baby

Casaco laços - Milly Baby