Dicas de atividades físicas para gestantes

Dores nas costas, estresse e falta disposição são sintomas comuns da gravidez. Porém quando o convívio com esses problemas estiver insustentável está na hora de você dar uma ajudinha ao seu corpo e partir para as atividades físicas. Praticar exercícios durante a gravidez, não só ajuda no controle de peso como também colabora para um parto mais saudável.

Veja alguns exemplos indicados pelos especialistas:

Caminhada – Simples e eficaz. Por não ser uma atividade física que exige muita aptidão das praticantes pode ser feita por qualquer futura mamãe. Em esteiras ou ao ar livre, é bastante recomendada para manter a forma física sem sobrecarregar os joelhos.

Alongamento – Embora os ligamentos e articulações estejam mais sensíveis nesse período, ainda assim o alongamento deve ser incluído na rotina das gestantes. Dentre os seus benefícios, podemos citar: flexibilidade, prevenção de lesões, agilidade e relaxamento dos músculos. Mas como dito anteriormente, é essencial que seja feito com a orientação certa para evitar algum tipo de contusão.

Musculação – Apesar de não ser liberada por alguns médicos, é uma excelente forma de fortalecer as musculaturas que envolvem o controle postural. Deve ser moderada e adaptada de acordo com as necessidades da gestante e é claro, só deve ser colocada em prática com a autorização do seu ginecologista.

Ioga – Atividade de baixo impacto, logo indicada sem restrições para as gestantes. Trabalha com diversos fatores ao mesmo tempo, por exemplo: flexibilidade, equilíbrio, circulação e alívio do estresse. Além dos citados, também ajuda no controle da respiração e relaxamento o que pode contribuir muito na hora do parto.

Hidroginástica – É a mais indicada pelos médicos, desde que seja feita com o profissional ideal pois o trabalho para grávidas é mais específico. Os benefícios para as grávidas são inúmeros, principalmente no último trimestre de gravidez onde auxilia bastante no alívio do inchaço das pernas.

Pilates – Uma das atividades mais completas para as gestantes, trabalhando no fortalecimento muscular e pélvico (importante para o parto normal), aliviando tensões na lombar e aumentando o ganho de força para tarefas do cotidiano. Também pode ser adaptado para a obtenção de alguns resultados específicos e é comumente praticado por mulheres grávidas.

Treinamento Funcional – Essa modalidade envolve um mix de diversos aparelhos objetivando o ganho de força, equilíbrio, resistência e coordenação. Existe inclusive alguns programas especializados para o treino durante a gravidez.