Saiba como prevenir acidentes domésticos com crianças

Sua casa pode esconder alguns perigos que talvez você nem perceba. Simples tomadas, cortinas, baldes e vasos sanitários podem acarretar acidentes domésticos com as crianças. Esses imprevistos acontecem porque nem sempre os adultos conseguem reconhecer situações que possam representar riscos às crianças e bebês.

Para ajudar na tarefa de tornar o lar um lugar mais seguro e evitar acidentes domésticos com crianças, o Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade) em parceria com a organização Criança Segura tem a cartilha Segurança Infantil na qual informa quais situações podem gerar acidentes com crianças em cada parte da casa e também como evitá-las.

Conheça a seguir algumas das dicas que a Alô Bebê selecionou e você também pode acessar a cartilha Segurança Infantil no site do Inmetro:

Sala
Cortinas – não use material potencialmente inflamável, como vela ou fósforo próximo a cortinas. Preste atenção no tamanho dos cordões de cortinas e persianas. Eles não devem ficar em altura que possa ser alcançada por crianças.
Móveis – mantenha os móveis longe de janelas e cortinas, para evitar riscos de queda. Cuidado com quinas pontiagudas. O uso de protetor de quina ajuda nesse caso.

Quarto
Berço – brinquedos, travesseiros e lençóis dentro do berço podem causar sufocação. As grades do berço devem ter no máximo 6cm entre elas. A partir de 2014, todos os berços deverão ter o selo do Inmetro.
Brinquedos- todos os brinquedos comercializados no Brasil, nacionais ou importados, devem ter o selo do Inmetro. Ao escolher brinquedos, sempre considere a idade e as habilidades da criança. Evite brinquedos com pontas afiadas como flechas e os que produzem sons altos.

Cozinha
Fogão – use preferencialmente as bocas de trás do fogão. Não deixe o fogo aceso sem que haja uma panela sobre ele.
Panelas – mantenha sempre panelas quentes longe do alcance de crianças e com o seu cabo virado para dentro do fogão.
Mesa – muitas crianças atendidas em prontos-socorros são vítimas de queimaduras. Não utilize toalhas por baixo de recipientes com alimentos e líquidos quentes, pois a criança pode puxar a toalha e derrubar o conteúdo sobre ela.

Banheiro
Vaso sanitário – as crianças, especialmente as mais novas, podem se afogar em apenas 2,5 cm de água. Por isso, mantenha a tampa do vaso fechada e travada.
Armário – mantenha utensílios afiados, medicamentos, vitaminas, produtos de higiene e outros que ofereçam perigo de intoxicação fora do alcance de crianças e em armários trancados.

Área de Serviço
Sacos plásticos – para evitar riscos de sufocação, mantenha sacos plásticos longe de crianças.
Baldes – esvazie todos os baldes e bacias e guarde-os virados para baixo, fora do alcance das crianças.

Quintal
Bicicleta – não deixe crianças andarem de bicicleta na rua sem supervisão de um adulto. Bicicletas infantis têm que ter o selo do Inmetro. Não compre bicicletas sem o selo.
Plantas – saiba quais plantas dentro e ao redor da sua casa são venenosas, remova-as ou deixe-as inacessíveis para as crianças.

Por toda a casa
Janelas e Varanda – cuidado com as quedas. Instale grades ou redes de segurança em suas janelas e sacadas. Faça inspeções periódicas da tela e do sistema de fixação.
Escadas – use portões de segurança no topo e no pé das escadas, dentro e fora de casa.
Tomadas – para evitar choques elétricos, use protetor de tomadas em todas aquelas que não estão em uso e não deixe nenhum fio desencapado.

Conheça os produtos para segurança doméstica das crianças disponíveis na Alô Bebê de ótimas marcas como a Safety First