Você sabe quando começa o trabalho de parto?

 

Na reta final da gravidez, por volta de 15 dias antes de parto, cerca de 97% dos bebês viram de cabeça para baixo e encaixam-se nos ossos do quadril da mamãe e a barriga “cai”, fica baixa, a respiração  torna-se mais confortável e o bebê passa a movimentar-se menos.

Fique atenta: se não perceber movimentos do bebê por mais de seis horas procure um médico.

Mas quando o trabalho de parto começa realmente? Essa é uma dúvida que muitas mães têm. O que vai indicar que a “hora chegou” são as contrações rítmicas, na frequência de dois a três a cada dez minutos, a mãe deve observar se as contrações irão continuar com intensidade e quantas vezes irão se repetir em uma hora.

Se a contagem apontar 12 contrações ou mais, é hora de encaminhar-se para a maternidade. Mas lembre-se, o trabalho de parto pode durar horas.

Rotura da bolsa dágua

A cena da mulher falando “a bolsa estourou” e sai desesperada para a maternidade e não vai dar tempo do bebê nascer, é coisa de novela. Na verdade o rompimento da bolsa, o extravasamento do líquido amniótico, aquele que envolve a criança durante a gravidez, poderá ocorrer tanto no início quanto no meio do trabalho de parto. E pode ainda ocorrer situações em que a bolsa só é rompida na hora do parto.

A coloração pode apresentar-se esverdeada ou amarelada caso o bebê tenha eliminado “mecônio”, que são as primeiras fezes da criança, se isso acontecer será necessário cuidados especiais.

E os sangramentos?

Quando inicia a dilatação do colo do útero é comum a saída de secreção de muco pela vagina, uma substância semelhante à clara de ovo que chamamos de tampão. Esta secreção pode conter estrias de sangue das glândulas do colo uterino.

A liberação dessa secreção pode não estar relacionada ao início do trabalho de parto, mas pode coincidir com a prática de exame de toque, por exemplo.

Mamães fiquem atentas: a presença de sangue só será considerada normal em pequena quantidade. Caso ocorra presença de sangue vivo e em quantidade semelhante à menstruação, a mulher deve procurar um serviço de saúde com urgência.

Cuidados importantes durante o trabalho de parto

A melhor escolha durante o trabalho de parto é permanecer deitada de lado, pois essa posição favorece que o fluxo sanguíneo chegue melhor à placenta e o bebê terá maior fornecimento de oxigênio. A mamãe poderá ainda caminhar pela sala se tiver espaço.

Caso você tenha se preparado para ter seu bebê de parto normal e a equipe que a acompanha esteja de acordo, você poderá consumir pequenas quantidades de água. Porém, se houver hipótese de ser um parto cesárea não é recomendado o consumo de nenhum tipo de alimento ou líquido.